Arquivos


Notícias


Professores se preparam para a volta às aulas
01/02/2017 - Publicado por: Clarissa Borba - Categoria: Educação - Tags: educacao formacao neurociencia alexandre


A Secretaria de Educação promove nesta quarta e quinta-feira (1º e 2) a formação de aproximadamente 900 professores da rede municipal de ensino. Nesta quarta-feira, professores do ensino fundamental anos finais (6º ao 9º ano) assistem palestra sobre neurociência aplicada à educação. O palestrante, Alexandre Paim de Oliveira, é mestre em Neurociência.

Enquanto parte dos professores dos anos finais assiste à palestra, a outra parte discute o funcionamento do ano letivo em cada disciplina. No outro período, aqueles que assistiram à palestra passam pela mesma formação, com o assessor (antigo articulador) da disciplina que ministra. O diretor de ensino da Secretaria de Educação, Antonio de Souza Júnior, explica que, neste ano, professores do ensino fundamental e professores da educação infantil estarão mais próximos, com formações que integrarão mais os dois segmentos.


Aplicação da neurociência facilita o ensino/aprendizagem

O palestrante Alexandre Paim de Oliveira explicou aos professores dos anos finais que o conhecimento de como o cérebro funciona auxilia na preparação da aula, na abordagem com os alunos, na elaboração das avaliações, enfim, em todo o processo de ensino e aprendizagem. “Apesar de não termos esse conteúdo em nossa licenciatura (graduação), a neurociência é fundamental para que tenhamos sucesso no ensino dos conteúdos para os alunos, pois é através do sistema nervoso que fixamos ou não o que foi passado”, explica Oliveira.


Alguns pontos importantes destacados pelo professor:

-O aluno precisa rever o conteúdo em casa no mesmo dia em que o aprendeu na escola, pois
54% do conteúdo é lembrado após 1 dia
35%, após 7 dias
21%, após 14 dias
e apenas 8% após 21 dias

-Precisa dormir bastante e profundamente para fixar o conteúdo na memória

-Criar o hábito de estudar todos os dias e não só na véspera da prova

-Professor deve iniciar o conteúdo por aqueles itens mais interessantes e envolventes para os alunos

-Tudo o que é passado com emoção, é gravado mais facilmente pelo cérebro

-Antes de passar o conteúdo, apresentar no quadro alguns pontos e perguntar com o que eles concordam e com o que eles não concordam. Ex.: Língua Portuguesa. Acentuação. Biquíni. Vai acento? Não vai acento?

Após criar a dúvida nos alunos, cria-se a vontade de aprender

-Não se pode passar um conteúdo em apenas uma aula. O conteúdo precisa ser repetido em várias aulas. Um estudo mostrou que são necessárias 27 repetições para que um assunto seja gravado na memória (incluindo os estudos em casa)

 


Escolas recebem 42 mil livros didáticos do governo federal
16/01/2017 - Publicado por: Clarissa Borba - Categoria: Educação - Tags: educacao livro pnld escola didatico


As 29 escolas municipais de ensino fundamental que oferecem turmas de 6º ao 9º ano recebem, desde o fim do ano passado, os livros didáticos de sete disciplinas curriculares. No total, cerca de 42 mil livros didáticos estão sendo distribuídos pelo governo federal, por meio do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). Os livros precisam ser conservados pelos alunos, pois serão usados  nos próximos três anos.


Programa do Livro Didático

O Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) subsidia o trabalho pedagógico dos professores por meio da distribuição de coleções de livros didáticos aos alunos da educação básica. A cada ano o MEC adquire e distribui livros para todos os alunos de um segmento, como anos iniciais do ensino fundamental, anos finais do ensino fundamental e ensino médio. À exceção dos livros consumíveis, os livros distribuídos deverão ser conservados e devolvidos para utilização por outros alunos por um período de três anos.
O PNLD também atende aos alunos que são público-alvo da educação especial. São distribuídas obras didáticas em Braille de língua portuguesa, matemática, ciências, história, geografia e dicionários.


 


Prefeito e secretário da Educação visitam dois centros de educação infantil
13/01/2017 - Publicado por: Clarissa Borba - Categoria: Educação - Tags: educacao creche visita cmei wolfgang alexander prefeito secretario


O prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli, o secretário da Educação, Rogério Jung, e sua equipe, estiveram nesta quinta-feira (12) nos centros municipais de educação infantil Wolfgang Weege (Barra do Rio Cerro) e Alexander Enke (Amizade), dois dos seis polos que voltaram a atender as crianças, em sistema de plantão, na quinta-feira. O objetivo da visita foi conhecer a estrutura física e de pessoal e acompanhar de perto o atendimento que o município dá às crianças de zero a cinco anos. O CMEI Wolfgang Weege atende 480 crianças; o Alexander Enke, 190.

Volta às aulas nas creches

Seis polos de atendimento funcionam desde quinta-feira (12) em regime de plantão. São eles: Wolfgang Weege (Barra do Rio Cerro), Jader Marcolla (Água Verde), Leonir Pessati Alves (Ilha da Figueira), Alexander Enke (Amizade/Tifa Schubert), Daniel Carlos Pretti (Santa Luzia) e Rosa Maria Donini (Vila Lalau). A partir de 23 de janeiro, todos os centros estarão de plantão para as crianças que já frequentavam o centro. Crianças novas serão atendidas a partir de 6 de fevereiro. Cerca de seis mil crianças são atendidas pelos 29 centros municipais de educação infantil.

Volta às aulas nas escolas

As aulas nas 31 escolas municipais de Jaraguá do Sul iniciam no dia 6 de fevereiro. Antes disso, professores participam de formação continuada. As matrículas de alunos novos iniciam no dia 1º de fevereiro. Confira abaixo a lista de documentos necessários. Lembrando que somente o responsável legal (pai, mãe, pessoa com a guarda legal) pode efetuar a matrícula do aluno.
-Certidão de nascimento
-CPF e RG dos responsáveis legais
-Carteira de vacinação
-Atestado de frequência (se frequentava outra escola)
-1 foto 3x4





 


Prêmio Educador Nota 1.000 inova nas categorias e valoriza os profissionais da educação
08/12/2016 - Publicado por: Clarissa Borba - Categoria: Educação - Tags: educador nota 1000 educacao professor premio acijs


A Prefeitura de Jaraguá do Sul e a Associação Empresarial de Jaraguá do Sul (Acijs) premiaram na noite de ontem (7), no auditório do Cejas, os profissionais que se destacaram em 2016 na rede municipal de educação, por meio de projetos diferenciados desenvolvidos com os alunos ou profissionais. Professores, gestores, familiares e colegas da Secretaria da Educação se reuniram para  agradecer pelo belo trabalho realizado em 2016 pelos profissionais presentes. Os vencedores das cinco categorias do Prêmio Educador Nota 1.000 - a primeira edição contemplou somente professores - ganharam uma viagem com tudo pago para o Chile, para conhecer o sistema educacional do país vizinho e trazer boas experiências para o município. A viagem acontecerá no início do ano que vem e será custeada por meio da Acijs. O Chile foi escolhido por ser o país mais bem colocado da América Latina no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa). A educação em tempo integral, oferecida em cerca de 85% das escolas chilenas, é apontada como um dos fatores responsáveis pelo sucesso no índice.

Compuseram a mesa de autoridades o presidente da Acijs, Giuliano Donini, o vice-presidente da comunidade Acijs, Wilson Watzko, o diretor executivo da Acijs, Paulo Mattos, o prefeito de Jaraguá do Sul, Dieter Janssen, e o secretário municipal da Educação, Elson Quil Cardozo. Todos destacaram o importante papel dos profissionais da educação no presente e no futuro da cidade de Jaraguá do Sul e do País. As autoridades ficaram também responsáveis por entregar os certificados, troféus, flores e as premiações aos vencedores.






Confira abaixo as cinco profissionais que viajarão ao Chile no ano que vem, devido ao destaque em seus projetos.


Da esquerda para a direita


Prefeito Dieter Janssen, diretor executivo da Acijs Paulo Mattos, secretário da Educação Elson Cardozo,

1. Quelis Regina Stringari Deretti – gestores escolares ensino fundamental – Escola Erich Blosfeld (Ilha da Figueira) – Projeto Nossa festa junina: um trabalho em equipe para a revitalização escolar

2. Inês Hable Petry – gestores escolares educação infantil - CMEI Alexander Enke (Amizade) - Projeto Relações interpessoais para um ambiente acolhedor

3. Djeniffer Dombrowicz Vasques – professores dos anos finais do ensino fundamental – Escola Renato Pradi (São Luís) - Projeto Paralimpíada 2016: o esporte adaptado como ferramenta de inclusão nas aulas

4. Silvana Aparecida Bueno Beil – professores de educação infantil – CMEI Jader Marcolla (Água Verde) - Projeto Convivendo e aprendendo com as diferenças

5. Andréia Jaqueline Renta – professores dos anos iniciais do ensino fundamental – Escola Alberto Bauer (Czerniewicz) - Projeto A magia da literatura infantil: João e o pé de feijão;

presidente da Acijs Giuliano Donini e vice-presidente para assuntos da comunidade Acijs, Wilson Watzko.

Confira todas as fotos na galeria abaixo.







 


Obra "Educação Financeira para Crianças" apresentada ao Comed
30/11/2016 - Publicado por: JORGE - Categoria: Educação - Tags: obra educacao financeira criancas comed


Composta de cinco volumes – um para cada ano das séries iniciais do ensino fundamental –, a obra “Educação Financeira para Crianças” foi apresentada ao Conselho Municipal de Educação (Comed), em reunião na manhã desta quarta-feira (30), no Núcleo de Tecnologia Municipal. A apresentação foi realizada pela autora Iraci Müller, que assina a edição junto com o professor Luiz Roberto Dante, renomado escritor nacional de livros didáticos e paradidáticos de Matemática. Publicado pela Editora Ática e lançado há cerca de duas semanas, a obra já está disponível em todo o Brasil.


 


Anterior  Página de 25  Próxima


Município de Jaraguá do Sul - SC - CNPJ: 83.102.459/0001-23 - Rua Walter Marquardt, 1111 - Barra do Rio Molha - 89259-565 - Caixa Postal 421 - Fone: (047) 2106-8000